Seguici
iBookstore
Android app on Google Play
Like Us
Un programma di
Uma valsa estelar
06 May 2020

Num sistema estelar próximo, três objetos realizam um estranho bailado: duas estrelas dançam uma valsa com um buraco negro. E, tanto quanto sabemos, este é o que está mais próximo da Terra!

Nesta dança espacial, uma das estrelas e o buraco negro recém-descoberto giram em torno um da outra em 40 dias. Mais longe, uma outra estrela muito mais brilhante orbita o par.

O que é mais surpreendente neste sistema é o facto de estar relativamente perto de nós. Na realidade, este é agora o buraco negro que conhecemos mais próximo da Terra! Astrónom@s que trabalham com um dos telescópios do ESO (Observatório Europeu do Sul) no Chile descobriram indícios da sua existência a apenas 1000 anos-luz do Sistema Solar.

O sistema estelar que é a casa deste buraco negro está tão próximo de nós que pode ser visto a olho nu, se estivermos no hemisfério sul da Terra e olharmos para um céu bem escuro.

Pensa-se que podem existir centenas de milhões de buracos negros pelo Universo, mas até agora só descobrimos um pequeno número deles. Isto quer dizer que os cientistas vão continuar a procurar outros buracos negros a dançarem valsas cósmicas pelo espaço!

Facto curioso

Apesar de dizermos que este buraco negro é o que está mais próximo de nós, não temos nada a temer. Ele está a uma distância de cerca de 9.000.000.000.000 de quilómetros – ou seja, mil milhões de vezes mais do que o comprimento da Grande Muralha da China!

Share:

Printer-friendly

PDF File
1003,2 KB